“Se não tens a vida dos teus sonhos é porque ainda não serviste o número suficiente de pessoas.” – Jim Rohn

Tenho muitas saudades do Jim Rohn, tive o privilégio de o conhecer pessoalmente e de estar com ele por várias ocasiões em que ele foi um orador convidado. Agora que folheio os meus cadernos de apontamentos, muitas vezes saltam-me dos cadernos frases que começam cada da mais a fazer sentido.

Servir os outros? Porquê? Para que? Pensava eu no início, já fui egoísta ao ponto de pensar que a minha vidinha era mais importante que a dos outros, mas a vida ensinou-me que o prazer de nos relacionarmos, de viver em conjunto com um mesmo objetivo é maravilhoso.

Vejo no meu dia a dia e cada dia faz mais sentido a partilha com o outro, o trabalhar para servir para o desenvolvimento e crescimento dos demais.

Há algum tempo atrás disseram-me dá até que te doa, dá todos os dias, primeiro dá semeia e depois colhe. É sempre assim na vida, mas nós pretensiosos, egoístas pensamos que os outros têm o dever o direto de nos servirem e criticamos a nossa vida, porquê? Porque ainda não aprendemos que primeiro servimos e depois colhemos. É como a agricultura.

Ter uma vida de serviço enche o coração e mostra-nos o caminho porque eu estou aqui.

 

Comentários

comentários

Powered by Facebook Comments